Matão recebe atividades do Festival Internacional de Dança de Araraquara

Matão recebe atividades do Festival Internacional de Dança de Araraquara



Entre as atividades programadas, nesta quinta-feira (21), entre 17h00 e 19h00 na Biblioteca Municipal, o Cacique Yradzu e o Kariris Xocó (AL/SP), vão conduzir uma roda de conversa “selvagem”, que traz a experiência de uma das manifestações culturais indígena brasileira praticada principalmente entre os povos indígenas do Nordeste e do Centro-Oeste do Brasil, o “Toré”. Esta será uma das atividades gratuitas realizadas em Matão, que compõe a programação do Festival Internacional de Dança de Araraquara, o FIDA.

Na língua dos kariri-xocó, TO significa canto, o RÉ significa sagrado. Sendo assim, o Cacique Yradzù Kariri Xocó nos explica a importância do cantar e dançar com o som sagrado, pois dessa forma é possível emanar o som sagrado para o universo, o que traz fortalecimento, cura e também prosperidade em todos os sentidos. “O Toré não é só cantar e nem só dançar, é sentir a vibração da terra, da água, do fogo do ar que são elementos que existem dentro de nós: batendo com os pés no chão, assim acordando a mãe Terra para que ela possa despertar e fortalecer a nossa energia de baixo para cima.

Na sequência, no sábado (23), o público é convidado a prestigiar o espetáculo “Inflexão” com Luzinete Silva e Alexandre Julianetti (Araraquara-SP). O evento será na Casa Pipa, a partir das 20h00.

Nos dias 25 e 27 de setembro, o CEU das Artes, no Portal Terra da Saudade, recebe a ação formativa “Pisar onde o outro pisa. Caminhar em direção à vida – Roda de Cura”, com Flor Guerreira (MG) e Patrícia Santos (DF). A atividade será das 15h às 17h00.

FIDA


Esta é a 23ª edição do Festival Internacional de Dança de Araraquara – FIDA, realizada entre os dias 22 e 30 de setembro sob o tema “Dançar sonhos manifestos”. O festival apresenta programação gratuita com atividades que focam em ações formativas, espetáculos locais, espetáculos nacionais e internacionais, com a curadoria compartilhada entre Ailton Krenak – liderança indígena, escritor, pensador e membro da Academia Mineira de Letras – e a artista-docente Gilsamara Moura – atual vice-diretora da escola de Dança da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Uma das novidades na edição deste ano é a parceria com a Casa Pipa e a Prefeitura de Matão.

A realização é da Secretaria Municipal da Cultura e Fundart, com apoio: Unesp, Sesc Araraquara, Senac Araraquara, Prefeitura de Matão, Casa Pipa, UFBA – Universidade Federal da Bahia, Novo Hotel Municipal e Amigos da Arte. O evento é realizado com apoio institucional da Secretaria da Cultura, Economia e Indústria Criativas do Governo do Estado de São Paulo e da APAA.

Compartilhe
Notícias Relacionadas

Vagas PAT Matão

16/04/2024 1) MECÂNICO DE MANUTENÇÃO CURRÍCULO PARA: financeiro@cardimix.com.br ESCOLARIDADE NÃO...

Acesso Rápido

Abrir bate-papo
Escanear o código
Olá 👋
Podemos ajudá-lo?