“Setembro Verde” defende inclusão social da pessoa com deficiência

“Setembro Verde” defende inclusão social da pessoa com deficiência

Alinhada a campanha estadual nomeada “Setembro Verde”, a Prefeitura de Matão, por intermédio da Secretaria de Educação e Cultura realiza nas escolas da rede municipal, este mês, atividades que sensibilizam e promovem a inclusão social.

De acordo com profissionais da educação, as pessoas com deficiência, ainda enfrentam barreiras impostas pela própria sociedade – que dificultam a participação de forma plena e efetiva e em condições de igualdade com outras pessoas. Os impedimentos surgem a longo prazo e são de natureza física, mental, intelectual ou sensorial.

Na ‘contramão’ dessa história setembro foi o mês escolhido para conscientizar de que todos são capazes de aprender, porque é neste mês que ocorre, em âmbitos, nacional e estadual a Luta por mais políticas públicas de acessibilidade à pessoa com deficiência e também por causa do início da primavera, o que remete a cor verde e ao ‘Dia da Árvore‘.

“É muito importante que a nossa ‘Educação’ esteja preparada para atender os estudantes com dificuldades especiais de aprendizagem porque acreditamos, que quando uma pessoa com deficiência tem todos as oportunidades de estudar, de um jeito que seja respeitado o tempo dela em aprender, com certeza conseguirá se desempenhar bem em diversas profissões com dignidade”, salientou o prefeito Cido Ferrari.

Conforme avaliou o secretário de Educação e Cultura, Alexandre Luiz Martins de Freitas, “a inclusão social é a capacidade de a sociedade entender, respeitar e atender todas as necessidades das pessoas, independentemente das diferenças que carregam. E continuamente precisamos provocar reflexões no espaço escolar, que resultem em melhorias nos processos de inclusão”.

Para a diretora do Departamento de Educação Claudionice Belintani, “no caso das pessoas com deficiência, a inclusão social possibilita oportunidades de acesso a partir da equidade, buscando a adaptação do meio para gerar a igualdade e em uma sociedade verdadeiramente integrada e inclusiva, como bem já frisou Paulo Freire, ‘[…] A inclusão acontece quando se aprende com as diferenças e não com as igualdades’.”

Neste sentido a EMEF Antonio Carlos Manzini, reuniu estudantes do 6º ano, em parceria com a APAE de Matão, representada por seus atletas, e realizou uma roda de conversa, onde foram debatidos os seguintes temas: Diversidade, Respeito, Superação e Perseverança.

E no dia 27/09/2023, quarta-feira, das 9h às 11h, será a vez da EM Adelino Bordignon, em parceria com a APAE realizarem o evento “Dia de incluir”, com pipoca e algodão-doce. Neste dia, os estudantes do 6º ano e atletas da APAE participarão de jogos inclusivos. A escola ‘Adelino’ possui elevador, corredores com piso tátil e ícones com leitura em braile. Assim como a estudante Yasmim Gregório Claudino (9º Ano) outras pessoas com deficiência se locomovem com mais facilidade em razão do ambiente acessível.

Apesar de ter sido oficializada em 2005 com a lei Nº 11.133, essa data é marcada por reivindicação do Movimento pelos Direitos das Pessoas com Deficiência (MDPD) desde 1982.

A Campanha Setembro Verde teve início em 2015, com o objetivo de tornar o mês de setembro o mês da visibilidade e luta pelos direitos das pessoas com deficiência.

Compartilhe
Notícias Relacionadas

Vagas PAT Matão –

(16) 3382-6550️ Vagas PAT Matão – 1) ASSESSOR DE ATENDIMENTO...

Acesso Rápido

Abrir bate-papo
Escanear o código
Olá 👋
Podemos ajudá-lo?