Prefeitura retira cerca viva de hibiscos do Parque Ecológico

Prefeitura retira cerca viva de hibiscos do Parque Ecológico

Quem passa agora pelos arredores do Parque Ecológico de Matão, Laert José Tarallo Mendes, consegue enxergar o lago, as quadras, as árvores e até o jardim. Isso por que a Prefeitura, tomou a decisão de retirar a cerca viva de hibiscos, com o objetivo de proporcionar maior visibilidade e consequentemente mais segurança às pessoas que frequentam o parque, por causa da iluminação natural, surgida após esta ação de zeladoria e paisagismo.

“As pessoas que caminham ao redor do lago, fazem exercícios físicos ou passeiam, aprovaram esta nossa decisão de retirar os hibiscos pra deixar o ambiente mais seguro. Elas falam que agora se sentem mais tranquilas para caminharem ou passearem por lá, inclusive com crianças e idosos”, disse o prefeito Cido Ferrari.

Neste primeiro semestre, foi realizado no Parque Ecológico, intenso serviço de zeladoria: podas de árvores; roçagem do mato, que encontrava-se bastante alto no início deste ano; limpeza de resíduos de lixo; pintura e consertos de equipamentos de ginástica ao ar livre; conserto de brinquedos do ‘play ground’ (parquinho infantil); etc.

Outras medidas importantes foram tomadas pela Prefeitura, para a melhoria da segurança das pessoas que frequentam o Parque Ecológico: foi determinada a constante vigilância da Guarda Civil Municipal e feito nova pintura nas faixas do asfalto e reorganizada a sinalização de trânsito nas proximidades.

De acordo com o Secretário de Esportes José Orlando Marchesan Mingossi, a zeladoria tem sido frequente e assim que for totalmente concluída a longo prazo, será realizada a manutenção dos serviços, com o objetivo de não deixar os problemas se agravarem novamente, conforme foram encontrados no início deste ano.

Contudo, ainda segundo o Secretário, “há alguns pontos de melhoria, como por exemplo: pintar e reparar as telhas das casinhas que guardam equipamentos de manutenção, bem como os quiosques, usados para atividades de laser; lavar periodicamente o espaço interno onde se caminha, a fim de não permitir que as fezes dos pombos ganhem proporções que possam causar desconforto aos usuários do parque.

Neste sentido, os serviços de reparos e zeladorias realizados pela Secretaria de Esportes, Lazer e Turismo, se estendem ao Conjunto Poliesportivo, agrupando-se ao Ginásio de Esportes Décimo Chiozzini, pista de atletismo, salão de eventos, salas de judô e Karatê, espaço coletivo, onde acontece a feira do produtor rural, além de dezenas de campos de futebol e quadras, espalhados por todo o município, incluindo o Distrito de São Lourenço do Turvo e o bairro de Silvânia.

Compartilhe
Notícias Relacionadas

Acesso Rápido